Arquivo para 26 de janeiro de 2011

Misto morno…

Márcio Iannacca
GLOBOESPORTE.COM

Pendurados com um cartão amarelo, Juan, Neymar e Casemiro ficaram no banco. Danilo estava suspenso e desfalcou o Brasil. Para evitar perder jogadores por suspensões, Ney decidiu escalar o time misto, já que os cartões serão zerados para o hexagonal final. O Brasil demorou a encaixar uma jogada. Mas quando conseguiu, deu show. Aos 23, Alan Patrick iniciou o contra-ataque no meio-campo e tocou para Oscar. O meia do Internacional deu um lindo passe de calcanhar para Henrique, que entrou na área e bateu no canto direito do goleiro Jaramillo.

Cinco minutos depois, o Equador perdeu o camisa 10 Cazares, que recebeu cartão vermelho por falta em Alan Patrick. Vale lembrar que o mesmo árbitro Diego Abal expulsou na estreia dois jogadores do Brasil e o técnico Ney Franco. Na etapa final, Ney colocou Lucas e Willian José em campo aos oito minutos, reforçando o meio-campo. Porém, aos 17 Lucas recebeu um cartão amarelo e deixou o técnico preocupado com suspensão para o hexagonal: aos 19, o camisa 10 foi substituído por Alex Sandro.

Mas o jogo, sem maiores emoções nem ameaças para os brasileiros, terminou mesmo com a vitória pela diferença mínima, Equador 0 x 1 Brasil, e garantiu para o time canarinho o primeiro lugar do Grupo B do Sul-Americano Sub-20. O resultado no estádio Jorge Basadre deixou a Seleção com 10 pontos, seguida por Equador e Colômbia com quatro. O Paraguai tem três, e a Bolívia aparece com um. Os quatro países chegarão à última rodada, na próxima sexta, com chances de classificação (entram os três primeiros). No Grupo A, a Argentina já garantiu uma vaga. O campeão e o vice do Sul-Americano jogarão as Olimpíadas de 2012. Os quatro primeiros colocados vão para o Mundial Sub-20 deste ano, que será realizado na Colômbia.

Anúncios
Anúncios