Libertadores? É… já começou…

Enfim começou a tão sonhada e esperada Taça Libertadores da América para o Timão no ano do centenário do clube. E trata-se do Corinthians. Então, não poderia ser de maneira diferente. Antes do jogo, muita festa dos torcedores que tomaram quase por completo o estádio do Pacaembu. Uma festa muito bonita, como já era de se esperar por retornar a tão desejada competição.

O árbitro boliviano Raul Orozco apitou o início da partida, e… era jogo do Corinthians. Antes de se completar o primeiro minuto do Timão na Libertadores 2010, a bola foi levantada na área, Roberto Carlos subiu com o atacante Quiñonez, a bola resvalou no uruguaio e tirou o zagueiro William da jogada, sobrando assim limpa para Cauteruccio dominar e tirar do goleiro Felipe. 1 a 0 Racing. Silêncio no Pacaembu.

Mas a torcida corintiana não abandona e momentos depois já gritava novamente, empurrando o time para cima dos adversários. Mas os comandados de Mano Menezes também não perderam a cabeça e tiveram calma para pressionar o time uruguaio. E o empate saiu aos 11. Como fez durante toda a partida, tocando a bola, o Timão chegou ao gol uruguaio. Na intermediária, Ronaldo acionou Tcheco, que viu Elias correr para dentro da área. Com um toque sensacional, o antes contestado meia que veio do Grêmio, lançou de calcanhar para Elias tocar na saída do goleiro Contreras.

No segundo tempo, Mano Menezes tirou Defederico e mandou para o jogo o atacante Souza. E a mudança surtiu efeito. Com Ronaldo um tanto quanto parado, ainda sem ritmo, o Fenômeno sentiu dificuldades, principalmente na movimentação, o camisa 19 entrou e exerceu importante função no ataque corintiano.
Aos 12 minutos a situação ficou ainda melhor para os donos da casa. Flores entrou com violência em Elias, já tinha amarelo, recebeu o segundo e foi expulso. Com um a mais, a pressão brasileira se intensificou e o gol da virada saiu aos 25 minutos. Em jogada parecida com a do primeiro gol, pelo meio. Ronaldo jogou para Souza, que dominou, girou e fez linda enfiada de bola para mais uma vez ele, Elias. O camisa 7 tocou na saída do goleiro novamente e garantiu os três primeiros pontos do Timão na Libertadores. Corinthians 2 x 1 Racing.

O próximo duelo do Corinthians na Libertadores acontece no dia 11 de março, na cidade de Medellín, na Colômbia, diante do Independiente, pela segunda rodada do Grupo 1.

Os outros brasileiros a atuarem pela competição sulamericana na noite foram o Flamengo e o Cruzeiro.
No Maracanã, o Campeão Brasileiro recebeu o Universidad Católica, do Chile, na sua estréia pelo Grupo 8. Também levou um susto logo com 3 minutos, quando o volante Willians deu uma cotovelada no adversário e recebeu cartão vermelho. Mas isso não foi o suficiente para desanimar o rubro-negro que, com gols de Léo Moura, em ótima cobrança de falta, e Adriano, em contra-ataque no segundo tempo, bateu os adversários por 2 a 0 e assumiu a ponta da chave. Vágner Love ainda perdeu um pênalti, mas nada que estragasse a festa carioca.

Já no Mineirão, o Cruzeiro fez seu segundo jogo pela fase de grupos. Após perder para o Vélez na primeira rodada por 2 a 0, os mineiros se recuperaram e fizeram bonito. Com ótima exibição de Kléber Gladiador, os comandados de Adílson Batista golearam com facilidade. 4 a 1.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: