Arquivo para janeiro \29\UTC 2010

Tricolor perdoa Dagoberto…


Se recuperando e se redimindo dos últimos baixos rendimentos e expulsões, principalmente na estréia diante da Portuuguesa, Dagoberto liderou o tricolor e deu show na vitória da tarde de ontem.
Na Arena Barueri, o São Paulo não encontrou maiores dificuldades e contou com atuação de gala do atacante para bater o Paulista. André Dias também fez um. São Paulo 3 x 0 Paulista.

Nos outros jogos que complementaram a quarta rodada do Paulistão 2010, o Bragantino perdeu para o Ituano, em casa, Sertãozinho e Rio Branco não saíram do zero e a Ponte foi superada pelo Botafogo, em Ribeirão Preto.
Na tabela de classificação, quem aparece na primeira posição é o Ituano, que com a vitória de ontem, alcançou os oito pontos e lidera o campeonato. Com a mesma pontuação, Palmeiras e Corinthians vêm na sequencia. O quarto é o Santos, com sete pontos, completando os quatro melhores. Na zona de rebaixamento, Barueri, com três pontos, e Monte Azul, Oeste e Sertãozinho, todos com dois pontos ganhos.

Anúncios

Robinho é do Santos!!!


Depois de Ronaldo e Adriano, mais um ídolo do futebol brasileiro está de volta ao futebol nacional. Robinho. Após um período de negociações, e também do São Paulo ameaçar intervir na contratação do atacante, o símbolo da geração vitoriosa do Peixe em 2002 volta a Vila Belmiro, cinco anos após deixar a Baixada, rumo ao Real Madrid.
Reserva no Manchester City, Robinho fez uma força para deixar a equipe inglesa e vir mostrar serviço em terras brasileiras para confirmar sua vaga, apesar de já estar praticamente garantida, na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.
O jogador abriu mão de parte de seus salários para voltar. Ainda assim, vai ganhar R$ 1 milhão por mês. Essa quantia será paga por patrocinadores. O contrato de empréstimo de Robinho vai até dia 4 de agosto. Após o Mundial, o jogador volta ao Manchester City. O site oficial do clube inglês confirmou que o Santos assumirá todos os termos do contrato do jogador e que ele viaja para o Brasil no domingo.

A noite que demorou para passar…


Foi uma noite loooonga, em que o futebol não foi o ponto alto. Nas duas partidas principais da noite de quarta-feira, o bom futebol e a técnica normalmente praticados pelas equipes passou longe, tanto do estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, tanto no Pacaembu.
No interior paulista, o Palmeiras enfrentou a caçula Monte Azul, com uma série de desfalques. Desfalques esses que, teoricamente não evitariam a vitória dos comandados de Muricy Ramalho. E realmente foi isso que aconteceu. Vitória palmeirense. Em cobrança de pênalti, muito bem marcado diga-se de passagem pelo árbitro Guilherme Cereta, em um empurra-empurra dentro da área em cobrança de escanteio, Cleiton Xavier cobrou com precisão e fez o único gol do jogo. Monte Azul 0 x 1 Palmeiras. Mas a qualidade do jogo foi sofrível. Simplesmente não houveram chutes a gol, e os goleiros das duas equipes não trabalharam durante os 90 minutos.

Já no Pacaembu, mesmo com o já tradicional rodízio realizado pelo técnico Mano Menezes, o Corinthians dava impressão de que não teria maiores problemas para bater o Mirassol. Até porque o time estava mexido, mas contava com destaques como William, Elias, o fenômeno Ronaldo e a estréia do meiocampo Danilo.

Ronaldo fez o dele, driblou o goleiro, colocou o Timão na frente, mas o goleirão Felipe falhou novamente na saída de bola, e o Mirassol empatou com Ferreira. Corinthians 1 x 1 Mirassol. Se não bastasse perder dois pontos, os corintianos ainda sofreram outra baixa. Das piores que se poderia imaginar. Ronaldo sentiu contusão muscular, foi substituído e dificilmente jogará o clássico de domingo contra o Palmeiras.

Qua, 27/01/2010
Rio Claro 3×0 São Caetano
Santos 5×0 Barueri
Portuguesa 0x1 Mogi Mirim
Santo André 2×2 Oeste
Corinthians 1×1 Mirasso
Monte Azul 0x1 Palmeiras

Qui, 28/01/2010

17:00 São Paulo x Paulista
19:30 Sertãozinho x Rio Branco-SP
21:00 Botafogo-SP x Ponte Preta
21:50 Bragantino x Ituano

Palmeiras quase 100% e Cariocão 2010…

Pelo complemento da segunda rodada do Campeonato Paulista de 2010, o Palmeiras não conseguiu manter a liderança e agora vê somente a Portuguesa como a unica equipe 100%. Jogando em Presidente Prudente, a nova casa do Barueri, que em breve deve mudar seu nome para Grêmio Prudentino, os comandados de Muricy Ramalho não repetiram a ótima atuação do primeiro jogo, diante do Mogi Mirim, no Parque Antártica, quando golearam por 5 a 1, e dessa vez encontraram muitas dificuldades. Barueri 2 x 2 Palmeiras. Com gols de David Sacconi e Diego Souza, e sofrendo os gols de Flavinho e Tadeu, o time verde somou apenas 1 ponto e agora soma quatro pontos, dividindo a segunda colocação com Santos, Ituano, São Caetano, Botafogo e Corinthians, todos atrás da Portuguesa, líder com 6 pontos.

Já no Rio de Janeiro, o Cariocão 2010 também já encerrou a segunda rodada e, pelo menos por enquanto, os grandes não tiveram maiores problemas.
No grupo A, o Fluminense, sob o comando de Fred, fez duplo 3 a 0 e superou Americano e Bangu. Já os atuais campeões brasileiros, ainda sem Adriano e Vágner Love, mas liderados pelo veterano Petkovic, também não levaram muitos sustos para vencer Duque de Caxias e Volta Redonda. Ambos tem 6 pontos e lideram o grupo, juntamente com o Boavista.

No grupo B, os gigantes também dominam. Embalado pelo título da Série B do Campeonato Brasileiro, o Vasco, chefiado por Carlos Alberto e Dodô, chegou motivado para o Cariocão e não decepcionou nas rodadas de estréia. 1 a 0 no Tigres e 2 a 1 no América, de Bebeto e Romário. O outro líder da chave é o Botafogo. De atacante novo, o ex-corintiano e ex-gremista Herrera, o time da estrela solitária fez 3 a 2 no Macaé e 2 a 0 no Friburguense garantindo a ponta até aqui.

Feliz 2010… e Paulistão já pegando fogo!!!

Gostaria de me desculpar com todos, devido ao tempo inativo, mas um período de férias se fez necessário para recarregar as baterias e se preparar para um 2010 de muitos objetivos alcançados. É o que espero e desejo a todos nesse novo ano.

Mas, voltando aos trabalhos, os campeonatos estaduais já estão a todo vapor. No Paulistão, já em sua segunda rodada, o Corinthians estreou seu time praticamente titular no tão esperado ano do centenário do clube. Depois de empatar fora de casa diante do caçula do campeonato, o Monte Azul, por 1 a 1, com um time misto, os comandados de Mano Menezes, dessa vez com Ronaldo, Elias, cia. e o estreante Roberto Carlos, receberam o Bragantino no Pacaembu. Pacaembu lotado, diga-se de passagem para recepcionar o lateral esquerdo.

E parecia que a noite corintiana seria perfeita, com uma chuva de gols como os torcedores esperavam. Antes do primeiro minuto de jogo, Jorge Henrique, que também fazia sua primeira partida em 2010, fez linda enfiada de bola para o atacante Iarley, que tocou por cima do goleiro Gilvan. O zagueiro Mauricio conseguiria tirar tranquilamente, mas furou de maneira ‘bisonha’ e a bola ainda tocou em Elias que, meio sem querer, abriu o placar.

Estava tudo encaminhado para a festa da Fiel. O jogo acabava de começar e o Timão já na frente. Mais tranquilidade ainda para as estrelas Ronaldo e Roberto Carlos desfilarem seu futebol galático no gramado.
Mas não foi bem assim que aconteceu.
O Corinthians se acomodou e começou a dar espaços para os visitantes. As chances do Braga foram aumentando e o gol de empate saiu aos 32 minutos da etapa inicial. A defesa foi recuando, os atacantes do Bragantino acharam espaço e o meia Paulinho apareceu com liberdade para mandar no canto de Felipe e deixar tudo igual.
O Timão então precisava acordar. Roberto Carlos cobrou sua primeira falta com a camisa alvinegra aos 41. A batida foi forte, como de costume, mas o goleiro adversário fez a defesa. Ronaldo, ainda fora de forma, também tentava, mas os astros corintianos não obtinham sucesso nas tentativas.
Veio o segundo tempo, e com ele veio a chuva forte. Debaixo de muita água, a missão dos anfitriões ficou ainda mais difícil. A torcida se irritava com os lances perdidos e especialmente com o meia Tcheco, com duas atuações muito ruins nos dois jogos, parece já ser o jogador que vai ter mais trabalho em agradar a torcida corintiana. Vaiado, o camisa 10 foi substituído por Jucilei.
Mas, antes disso, um certo baixinho, que não tem fama de ‘galático’, pelo menos por hora, resolveu as coisas para o time de Parque São Jorge. Aos 17 minutos, depois de cruzamento na área, a defesa tentou afastar, a bola bateu em Tcheco que, em seu último lance, fez um dos poucos lances corretos na partida, ajeitou a bola para Jorge Henrique, que dominou e bateu com extrema categoria, de fora da área, com efeito, tirando do goleiro. Golaço. Corinthians 2 x 1 Bragantino.

Com a vitória, os corintianos somam agora 4 pontos e encostaram no grupo dos quatro melhores do Paulistão.
Nos outros jogos, o São Paulo mostrou novamente que 2010 não começou da maneira como os sãopaulinos esperavam. Depois de perder na estréia, em pleno Morumbi para a Portuguesa, por 3 a 1, o Tricolor foi até Mirassol e perdia, com direito a gol de letra do atacante Evando, ex-Avaí, até aos 47 do segundo tempo, quando os comandados de Ricardo Gomes, que colocou muitos jovens nessa partida, substituindo os consagrados titulares da equipe que foi mal no primeiro jogo, contaram com uma excelente jogada de um dos únicos titulares que sobrou na equipe. Richarlyson, passou por quatro adversários e bateu forte no canto, decretando o placar final. Mirassol 1 x 1 São Paulo. O time do Morumbi somou seu primeiro ponto e está em décimo quarto.

Já o Santos, com Giovanni e cia., recebeu a Ponte Preta na Vila Belmiro. Depois de atropelar o Rio Branco na primeira rodada, por 3 a 0, os comandados de Dorival Júnior não tiveram a mesma facilidade diante dos campineiros. Santos 1 x 1 Ponte Preta. Mas o Peixe já adentra o grupo dos melhores quatro colocados.

E não poderia finalizar o post do dia sem citar os atuais líderes do Campeonato Paulista. com 100% de aproveitamento, duas vitórias em dois jogos… a LUSA! Depois de superar o São Paulo na estréia, a Portuguesa bateu o Sertãozinho na tarde dessa quarta, em Barueri, por 2 a 0, com gols de Fabrício e Domingos, e alcançou os 6 pontos, se tornando a líder absoluta.

Anúncios