Arquivo para dezembro \24\UTC 2009

FELIZ NATAL!!!!!

Nessa época tão especial, esse que vos bloga gostaria de desejar a todos um FELIZ NATAL!!!
Cheio de muita paz, felicidades e momentos agradáveis junto daqueles que se gosta.

Anúncios

Vai e vém natalino…

Em meio as comemorações de Natal, as diretorias dos clubes brasileiros correm para adiantar os presentes natalinos para seus torcedores. E as compras vão acontecendo em grande quantidade.

No Santos, a proridade, pelo menos por hora, é a defesa. Além da permanência do zagueiro Edu Dracena, que estava se recuperando de contusão e atuou apenas nos dois últimos jogos do Campeonato Brasileiro, a diretoria confirmou a contratação de Bruno Rodrigo, ex-Portuguesa. Bruno tem 24 anos e fica no Santos por três anos.
Outro defensor que está muito próximo da Vila Belmiro é o capitão do Sport, rebaixado em 2009. Assediado por alguns grandes clubes, Durval está acertado e muito perto de disputar a temporada 2010 pelo time comandado por Dorival Júnior. Fabão, Astorga e Adaílton, zagueiros do Peixe em 2009, foram dispensados pela direção.
Lá na frente, o Peixe está próximo de se antecipar ao Palmeiras e acertar com o meiocampista Marquinhos, do Avaí, que também interessa ao Flamengo.

Falando no Rio de Janeiro, Thiaguinho resolveu trocar de clube, mas não sair da cidade maravilhosa. O lateral resolveu deixar o Botafogo e já acertou sua transferência para o Fluminense. O Fogão até agora anunciou somente a contratação do meiocampista Renato, que se destacou na Ponte Preta e que defendeu o Grêmio no Campeonato Brasileiro de 2009.
No Vasco, a diretoria não se cansa de reforçar o time no retorno para a Primeira Divisão nacional. Dessa vez, o clube de São Januário apresentou o atacante Rafael Coelho, artilheiro do Figueirense na Série B, e o zagueiro Thiago, ex-São Caetano e que atuou pelo Cruzeiro no ano passado. Os dois jogadores se unem ao pacotão que conta também com os laterais Élder Granja e Márcio Careca, o zagueiro Gustavo, os volantes Jumar e Léo Gago, os meias Caíque e Geovane Maranhão e o atacante Dodô.


Em São Paulo, foi confirmada a troca envolvendo Palmeiras e Grêmio. Depois de brigar físicamente com o atacante Obina, que também deixou o clube, o jovem zagueiro Maurício foi cedido ao clube gaúcho que, por sua vez, cedeu o zagueiro Léo, que atuará pelo Palestra em 2009.
.

Já no Barueri, a diretoria também começa a se reforçar para o próximo ano. Depois de uma temporada excelente no ano de estréia na elite, o time anunciou a contratação do lateral e também volante Marcelo Oliveira, do Corinthians.

Marta e Messi… os melhores do mundo!!!

Rafael Maranhão
Especial para o GLOBOESPORTE.COM, em Zurique, Suíça

A Fifa anunciou na noite desta segunda-feira, em Zurique, o que o mundo inteiro já sabia: Messi é o melhor jogador do planeta em 2009. A premiação, a primeira na história para um argentino, encerra um ano perfeito para o camisa 10 do Barcelona: foram seis títulos pelo clube, a classificação para a Copa do Mundo pela Argentina, a conquista da tradicional Bola de Ouro da “France Football” e agora o prêmio da Fifa.
Messi foi eleito com votos de técnicos e capitães de 147 seleções nacionais. Ele somou 1.073 pontos e deixou para trás com ampla vantagem Cristiano Ronaldo, do Real Madrid (352), os colegas de clube Xavi (terceiro, com 196 pontos) e Iniesta (quinto, 134), além de Kaká, que apareceu em quarto lugar. O brasileiro do Real somou 190 pontos.

Já do lado das mulheres, pelo quarto ano consecutivo, o Brasil ficou orgulhoso mais uma vez. A craque Marta leva para casa o prêmio de melhor jogadora do mundo oferecido pela Fifa. A brasileira foi coroada em cerimônia realizada nesta sexta-feira, em Zurique, e tornou-se a recordista em número de prêmios Fifa (quatro, uma a mais que a alemã Birgit Prinz, que era uma das cinco finalistas).
Marta foi eleita com base nos votos de capitãs e técnicos de seleções nacionais femininas de todo o mundo. A brasileira conseguiu grande vantagem em relação às concorrentes. Foram 833 pontos, contra 290 da alemã Birgit Prinz, 252 da inglesa Kelly Smith, 239 da também brasileira Cristiane, e 216 de outra alemã, Inka Grings.

“Estou realmente surpresa. Primeiro agradeço a Deus, por tudo o que vem acontecendo em minha vida. É inevitável não me emocionar neste momento. O dia em que eu parar de me emocionar, o futebol acaba para mim”

Meninas brasileiras…em primeiro lugar!!!

Realmente impressionante. A proporção e o reconhecimento que o futebol feminino tem tomado em terras brasileiras impressiona os amantes do futebol.
E isso ficou mais do que provado na tarde desse domingo. Com o Pacaembu lotado, com mais de 25 mil pessoas presentes, a Seleção Brasileira decidiu o Torneio Cidade de São Paulo diante do México e, não só o jogo, mas o clima que envolvia a partida foi sensacional.

O time brasileiro, amplo favorito para mais essa conquista, e apoiado pela massa paulistana, começou partindo para cima desde o início, mas foi surpreendido logo no começo. Aos 11 minutos, Dinora arriscou chute de fora da área e surpreendeu a goleira Andréa, acertando o ângulo. 1 a 0 México.
Susto que foi logo absorvido pelas brasileiras, que não diminuíram o ritmo e partiram em busca do empate. Aos 22, o objetivo foi alcançado. Após cobrança de escanteio, a bola passou por todo o mundo e a zagueira Aline apareceu na segunda trave para estufar as redes. O Pacaembu explodiu em festa! Foi de se arrepiar.

Aí não teve como segurar. Dez minutos depois, a goleira mexicana Sophia errou na reposição, Cristiane cabeceou para frente e achou Marta, que ganhou na corrida da defensora e bateu com categoria no canto, virando o jogo.

O jogo foi para o intervalo e as brasileiras jamais imaginariam a vontade que as adversárias teriam na volta para o segundo tempo. Em três minutos jogados, o time do México acertou duas bolas na trave. A sorte estava do lado verde e amarelo. No melhor estilo “Quem não faz…”, Érika apareceu no meio da zaga e bateu na saída da goleira que defendeu com o pé, mas a sorte brasileira era tanta que a bola bateu na goleira, voltou na cabeça da zagueira Alina e foi morrer no fundo das redes.
Aos 13, a zagueira mexicana teve mais uma infelicidade e praticamente garantiu a vitória do time da casa. Depois de grande jogada de Marta, a camisa 10 driblou a goleira e cruzou para o meio. Alina tentou cortar e mandou para a própria rede mais uma vez.

Aos 24, contra-ataque mexicano e as visitantes diminuíram mais uma vez. A garota Nayeli, de apenas 17 anos, chutou de longe, a bola desviou em Ester e tirou as possibilidades de defesa de Andréia. Mas, as comandadas de Klaiton Lima decretaram o título em grande estilo cinco minutos depois. Cristiane arrancou pela esquerda, fez linda jogada, com direito a ‘drible da vaca’ na marcadora e serviu Marta, dentro da área. Com a categoria que lhe é tradicional, a melhor do mundo dominou e sacramentou a goleada. Brasil 5 x 2 México.

BRASIL CAMPEÃO DO TORNEIO INTERNACIONAL ESTADO DE SÃO PAULO 2009!!!
Festa das meninas brasileiras, principalmente para Marta e Cristiane que, além de conquistarem mais esse importante título, após o jogo, viajaram imediatamente para Zurique, onde nessa segunda, será realizada a cerimônia que anunciará os melhores jogadores de 2009, e as duas brasileiras concorrem ao prêmio.

Na disputa de 3o. lugar, no jogo que antecedeu a final, as chinesas bateram a seleção do Chile por 2 a 0 e levaram o bronze.

Barcelona Campeão do Mundo 2009!!!

Mundial de Clubes.
Tudo bem. O time não jogou como se esperava. Os jogadores não encataram como costumam fazer. O jogo não foi memorável técnicamente, tanto que acabou decidido apenas na prorrogação. Mas um certo camisa 10, que foi um dos que não jogou tudo que sabe, veste a camisa do Barça, e isso já é suficiente para que o gigante catalão mereça o título de melhor time do mundo em 2009.

O jogo, que alguns poderiam citar que seria barbada para o time espanhol, começou bastante equilibrado, com a equipe do Estudiante muito bem postada, tento defensivamente quanto no ataque. O Barça tinha maior posse de bola, mas não conseguia espaços na firme defesa argentina. Defesa essa, que se protegia com bastante competência e não se acoava diante dos gigantes espanhóis, ainda criando boas oportunidades de gol com seu ataque, municiado principalmente pelo maestro e capitão da equipe Juan Sebástian Verón.
E prova disso aconteceu aos 37 minutos do primeiro tempo. Díaz fez cruzamento da esquerda, o zagueiro Puyol subiu alto mas não alcançou e o atacante Boselli cabeceou no canto, sem chances para Valdés. 1 a 0 Estudiantes.

O Barcelona só foi tomar conhecimento do que estava acontecendo e buscara a reação mesmo depois do intervalo. O técnico Guardiola tirou o volante Keita e mandou a campo o jovem atacante Pedro. Mesmo recuando um pouco o argentino Messi, Pep Guardiola mandava o time para cima, com quatro atacantes em campo (Henry e Ibrahimovic, além de Messi e Pedro). E a mexida realmente deu certo. Os atuais campeões europeus dominaram a partida e mantinham o Estudiantes retraído em seu campo, apenas se defendendo. O ataque estava melhor, mas mesmo assim não fazia o suficiente para empatar o jogo.

Conforme o tempo ia passando, um desepero ia tomando conta do time do Barcelona que não conseguia alcançar a igualdade, por mais que dominasse totalmente as ações. Mas, o problema é sempre esse “mas”, quando parecia que o título ficaria mais uma vez para o coninente sulamericano e que o Barcelona perderia pela terceira vez a chance de conquistar o Mundial Interclubes, aos 43, na base do abafa, e, após levantamento na área, o zagueiro Piqué escorou e a bola sobrou no alto para Pedro que tocou de cabeça encobrindo o goleiro Albil, que teve ótima atuação mas falhou no lance. 1 a 1. Jogo empatado e decisão para o tempo extra.

Na prorrogação, o desenho do jogo continou o mesmo. O Barça, bastante desorganizado pressionando muito e um Estudiantes acoado, se defendendo como pudia. Deu certo para os argentinos, até os 5 minutos do segundo tempo da prorrogação. E adivinha quem foi que apareceu para resolver a situação e dar o título para o time de Guardiola…Leonel Messi. O até então apagado camisa 10 estava dentro da área, entre os zagueiros quando Daniel Alves fez o levantamento. Messi correu por trás da zaga e mergulhou, de peito, para definir o novo campeão mundial.

Festa do time azul-grená, CAMPEÃO MUNDIAL INTERCLUBES pela primeira vez na sua história. O inédito Mundial foi a conquitsa que faltava em um ano perfeito para os catalães. Foram nada menos do que seis troféus levantados: Liga dos Campeões, Campeonato Espanhol, Copa do Rei, Supercopas da Europa e da Espanha e, agora, o Mundial de Clubes. Estudiantes 1 x 2 Barcelona.

Estudiantes 1 x 2 Barcelona
Estudiantes: Albil; Cellay, Desábato e Ré (Rojo); Clemente Rodríguez, Braña, Pérez (Nuñez) e Díaz; Verón e Benítez (Sánchez); Boselli
Técnico: Alejandro Sabella

Barcelona: Valdés; Daniel Alves, Puyol, Piqué e Abidal; Busquets (Yaya Touré); Xavi e Keita (Pedro); Messi, Ibrahimovic e Henry (Jeffren)
Técnico: Josep Guardiola

Na disputa do terceiro lugar, o Poohang Steelers, da Coréia do Sul, levou a melhor diante do Atlante, do México. Após o empate por 1 a 1 no tempo normal, o time do brasileiro Denílson, fez 4 a 3 nas cobranças de pênaltis e ficou com o bronze.

Liga: Confrontos definidos e dois jogassos…


Definidos os confrontos das Oitavas-de-final da Liga dos Campeões da Europa.
Em sorteio realizado na manhã dessa sexta-feira, foram decididos os confrontos da primeira etapa das eliminatórias simples do torneio que, a partir de agora, segue com eliminações por jogos de ida e volta, até a decisão do título.

Stuttgart x Barcelona
Olympiacos x Bordeaux
Internazionale de Milão x Chelsea
Bayern de Munique x Fiorentina
CSKA Moscou x Sevilla
Lyon x Real Madrid
Porto x Arsenal
Milan x Manchester United

Os maiores destaques da definição ficou mesmo por conta dos dois clássicos mundiais que foram sorteados. A Inter de Milão do técnico José Mourinho, que acabou se classificando em segundo no Grupo D, tem missão ingrata pela frente. Irá enfrentar nada mais, nada menos que o últimos comandados do técnico português antes de assumir o clube italiano. O Chelsea, de Drogba e Anelka. Duelo que promete.
Assim como o confronto entre o líder do Grupo B e o segundo do C. Outro clássico que deve abalar o cenároio futebolístico mundial. Simplesmente Manchester United e Milan.
Nos outros confrontos, o Barcelona deu mais sorte e enfrentará o Stuttgart, da Alemanha. O Olympiakos, do técnico Zico, medirá forças com a sensação da Liga até aqui, os franceses do Bordeaux. O Bayer de Munique decidirá uma vaga contra a Fiorentina. O Sevilla, de Luis Fabiano, é favorito diante do CSKA Moscou. Porto e Arsenal decidem outa vaga e a tendência é que o Real Madrid, de Kaká e Cristiano Ronaldo, não enfrente maiores problemas contra o Lyon, da França.

Barça leva susto, mas Messi garante…

Mundial de Clubes.

Por mais que tenha levado um susto no início, o Barcelona tem um jogador que dispensa comentários e que teve atuação fundamental para levar o time espenahol para a final do Mundial de Clubes.
Logo no começo do jogo, os mexicanos do Atlante não se intimidaram com o gigante espanhol e saíram na frente. Rojas invadiu a área, deu um lençol no goleiro Valdés e se esticou para empurrar para a rede.

Com a vantagem, o Atlante passou a se fechar e ver o Barcelona crescer na partida. Tanto que a pressão deu resultado aos 35 minutos ainda da etapa inicial. Após escanteio, Touré desviou de cabeça e Busquets só teve o trabalho de completar para o gol. 1 a 1.

Com o placar igual, o Barcelona ficou ainda mais forte. E não se conteve até conseguir a virada. Mas ela realmente só saiu depois da entrada de um certo argentino que começou na reserva. Leonel Messi entrou no gramado aos 8 minutos do segundo tempo. E bastou um minuto. Aos 9, em seu primeiro toque na bola, o camisa 10 recebeu passe perfeito de Ibrahimovic, driblou o goleiro e tocou para o gol aberto.

A virada abateu os mexicanos, que não conseguiram mais reagir e ainda tomaram o terceiro. Aos 22, Iniesta fez grande jogada pela esquerda e deixou Pedro na cara do gol. O atacante mandou para dentro e garantiu o Barça como finalista do Mundial.

Barcelona e Estudiantes se enfrentam nesse sábado para definir o Campeão do Mundo de 2009.

Anúncios